• Logo Paróquia Divino Espírito Santo

O CUIDADO COM A VIDA


        Image title  A Quaresma é um dos tempos fortes da caminhada dos cristãos. Nela, somos provocados a uma abertura maior ao seguimento radical de Jesus Cristo. E convocados a construir nossa conversão pessoal e comunitária-social. Para tal, são sugeridas três práticas tradicionais de nossa religião: a esmola, a oração e o jejum. Pela esmola, saímos de nós mesmos para irmos ao encontro do próximo, no qual está presente o próprio Cristo. Pela oração, entramos em ligação direta com o Pai comum dos homens e das mulheres, Senhor de tudo e de todos. Pelo jejum, exercitamos nossa liberdade diante das coisas e nos corrigimos de nossos vícios de estimação.

          Na Quaresma, a Igreja no Brasil descobriu na Campanha da Fraternidade uma forma bem concreta de busca de conversão pessoal, comunitária e social. Neste ano, mais uma vez, somos intimados a “cultivar e guardar a criação” (Cfr. Gên 2, 15), especialmente nos chamados biomas.

Bioma é o conjunto de vida que existe em algum lugar. É o mundo animal. É a vegetação. É o conjunto de elementos que, unidos, garantem vida neste planeta. “Um bioma é formado por todos os seres vivos de uma determinada região, cuja vegetação é similar e contínua, cujo clima é mais ou menos uniforme, e cuja formação tem uma história comum” (Texto base da CF/2017, Introdução).

           Como guardiões e corresponsáveis de toda a criação, obra de Deus, somos convocados a rezar, meditar e cuidar incansavelmente dos biomas em suas diversidades.Image title

Os biomas brasileiros são seis: 1- Da Amazônia, que representa mais da metade do território brasileiro; 2- Da Caatinga, localizado, basicamente, no Nordeste brasileiro; 3- Do Cerrado, na região Centro-Oeste; 4- Da Mata Atlântica, onde estão cidades-capitais litorâneas e parte de algumas regiões de Goiás, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais; 5- Do Pantanal, de menor extensão territorial, mas que é patrimônio Natural Mundial pela UNESCO e 6- Do Pampa, que abrange parte do Rio Grande do Sul.

           Somos zeladores e cultivadores desta terra, casa comum de todos. Nossa tarefa é preservar o planeta que é de todos, e que tantíssimas vezes é conduzido por políticas depredatórias, orientadas só para o lucro de uns poucos.

Pe. Júlio Antônio da Silva


Desenvolvido por Cúria Online do Brasil Logo Cúria Online do Brasil